Software para evitar crime, como em Minority Report, é testado nos EUA

Thaylan Melo | 22:52 | 0 comentários


As forças policiais das cidades de Baltimore e Filadélfia, nos Estados Unidos, estão usando um software inovador que basicamente aplica algoritmos complexos na tarefa de tentar identificar quais criminosos têm maior probabilidade de cometer novos crimes. Embora a associação seja imediata com os precogs do filme Minority Report (2002), que eram capazes de prever todos os crimes, o software funciona de forma um pouco diferente.
Programa pode ajudar a evitar crimes, como em Minority Report (Foto: Reprodução)Programa pode ajudar a evitar crimes, como em Minority Report (Foto: Reprodução/Minority Report)
Desenvolvido por Richard Berk, professor da Universidade da Pensilvânia, a plataforma é aplicada em criminosos que já cumpriram a pena ou em liberdade condicional. A ideia é traçar perfis e probabilidades das atitudes dos criminosos em um esforço para prover a polícia de dados que possam antecipar eventuais crimes.
O algoritmo analisa uma série de características, que vão do registro criminal à localização geográfica do suspeito. O tipo de crime cometido e a idade em que foi praticado, por exemplo, são também alguns pontos principais do software. Se alguém comete um assalto à mão armada aos 14 anos, o programa identifica um perfil de risco. Se, por outro lado, o preso foi condenado por um assalto aos 30 anos de idade, o programa não o vê como uma ameaça muito grande. Atualmente, a cidade de Washington testa a plataforma.Para desenvolver o programa, Richard e sua equipe armazenaram informações relacionadas a 60 mil crimes, inclusive homicídios. A partir daí, aplicaram um algoritmo que foi desenvolvido para encontrar o perfil de criminoso que, uma vez em liberdade, tinha mais chances de voltar a praticar atos ilegais. Os pesquisadores conseguiram identificar, em média, oito prováveis assassinos a cada cem criminosos em condicional.
Via Mashable

Category: ,

0 comentários