Empresas brasileiras migram para o notebook, diz estudo

Thaylan Melo | 17:53 | 0 comentários

Pesquisa da Lenovo consultou 300 companhias de pequeno e médio porte para chegar à conclusão

Notebook Tobii com controle por olhos

Lenovo divulgou nesta segunda-feira, 11, o resultado de um estudo conduzido a fim de mapear as tendências de consumo de tecnologia das PMEs brasileiras em 2013.

O levantamento, que ouviu cerca de 300 empresas em quatro capitais (São Paulo, Rio de janeiro, Salvador e Brasília), apontou que existe grande oportunidade para o mercado de tecnologia nas pequenas e médias neste ano.
 
A principal tendência é o investimento em notebooks. Segundo a pesquisa, nos últimos 12 meses, 32% das pequenas empresas de 1 a 9 funcionários migraram de desktops para notebooks; 44% das pequenas de 10 a 99 funcionários fizeram a substituição; e 70% das médias empresas de 100 a 499 funcionários seguiram a mesma influência.

Os motivos para essa gradual mudança entre os equipamentos é, segundo o estudo, a melhora na produtividade dos funcionários, além da economia de espaço nos escritórios, uso wi-fi e a possibilidade de mobilidade.
 
Atualmente, a aquisição de novos computadores acontece com mais frequência nos casos de contratação de funcionários, expansão dos negócios com filiais, substituição de máquinas antigas por atualizadas e por quebra. Outras razões citadas na pesquisa são aumento de produtividade, substituir sistemas obsoletos, rodar uma aplicação específica e substituir aparelhos perdidos ou roubados.
 
A segunda tendência é a adoção de processos de TI nas PMEs. O objetivo dessas empresas é melhorar os negócios por meio da tecnologia, obtendo, assim, lucro em um mercado cada vez mais competitivo. Os principais desafios são a preocupação com a segurança - como a perda de dados, histórico de funcionários, controle de pagamentos para serem feitos e recebidos por clientes e fornecedores, produtos que precisam ser comprados, vendidos, armazenados, etc. -, mobilidade - conexão com filiais e trabalhadores em constante locomoção -, e governança no dia a dia.
 
O processo de adoção de TI nas PMEs precisa passar pelas seguintes etapas: construção de infraestrutura básica (adoção de desktops, notebooks, internet rápida, antivirus, website, suites de produtividade, software de contabilidade e smartphones; conexão da enterprise (LAN/Server, e-commerce, tablets, network firewall, telefone com IP, etc.); e extensão da enterprise na rede (intranet, WAN, etc.).

via olhar digital

Category: ,

0 comentários