A Infinity Ward não sabe ainda se vai matar o cachorro de CoD: Ghosts

Thaylan Melo | 12:28 | 0 comentários

Durante o evento de revelação do Xbox One, realizado no dia 21 de maio deste ano, um dos personagens de maior sucesso foi Riley, o acompanhante canino de Call of Duty: Ghosts. Logo que foi anunciado durante a apresentação do game que o cachorro não seria um mero ajudante, mas também seria um personagem com que os jogadores criariam um laço emocional, o público logo imaginou: será que Riley irá morrer?
Como bem conhecem os jogadores da franquia, ser traído no final de alguma missão, assim como ver companheiros (ou mesmo inocentes) morrendo nos jogos da série não é algo assim tão incomum.
De acordo com Tina Palacios, da Infinity Ward, a reação do público realmente surpreendeu a todos do estúdio. “Nós estávamos acompanhando o anúncio do jogo e as reações do público em tempo real. Ninguém imaginava que Riley faria tanto sucesso. Assim que isso foi percebido, o estúdio se dividiu. Há quem diga que o cachorro deve morrer enquanto outros, como eu, acreditam que esse não é o melhor caminho”, explicou.
No final das contas, no entanto, o estúdio terá de fazer a sua escolha. O público, contudo, só descobrirá no dia 5 de novembro, quando o game será lançado para Playstation 3, Xbox 360, Wii U e PC. A data de lançamento do game no Xbox One e no PlayStation 4 ainda não foi divulgada.
Fonte: Rock, Paper & Shotgun, Baixaki Jogos

Category: , ,

0 comentários